AMAZON

Empresário que causou acidente fatal na Jatiúca, em Maceió, vai a júri na terça-feira

Por Raimundo Bezerra em 05/08/2019 às 10:20:20


Edmo Rui Santana estava alcoolizado e dirigia a 170 km/h quando o veículo dele se chocou com o do advogado Daniel Araújo Monteiro, que morreu no local da colisão. Carro estava a 170 km/h

Larissa Vasconcelos/G1

Começa nesta terça-feira (6) o julgamento do empresário Edmo Rui Santana, que é acusado de provocar o acidente que matou o advogado Daniel Araújo Monteiro em 1º de fevereiro de 2015 após uma colisão na antiga Av. Amélia Rosa, em Maceió.

O júri popular acontece a partir das 13 horas no Fórum de Maceió.

Na época, investigações apontaram que Edmo Rui Santana dirigia a 170 km/h quando o carro dele se chocou contra o veículo do advogado. Ele foi indiciado por homicídio doloso, que é quando se assume o risco de matar, lesão corporal e embriaguez ao volante.

O advogado não resistiu aos ferimentos e morreu na hora. Câmeras de um estabelecimento comercial da região registraram o momento da colisão (veja no vídeo abaixo).

Santana foi preso após o acidente e ficou oito meses detido. Em outubro, a Justiça permitiu que ele respondesse ao processo em liberdade.

Com o pedido acatado, Santana foi obrigado a respeitar uma série de medidas, como comparecer mensalmente ao Fórum de Maceió, não conduzir qualquer tipo de veículo e não se expor publicamente em estado de embriaguez.

Video mostra momento do acidente na antiga Avenida Amélila Rosa

Veja mais notícias da região no G1 Alagoas

Fonte: G1

Tags:   G1
Comunicar erro
AMAZON 2

Comentários

AMAZON 3